Instituto Denis Fernando

Pós Graduação | Teoria Pscicanalítica Contemporânea

PÓS-GRADUAÇÃO EM Teoria Pscicanalítica Contemporânea

Pós Graduação Ortomolecular Instituto Denis Fernando

DESCRIÇÃO DO CURSO

Nível: Pós Graduação Lato Sensu Semipresencial
Coordenação: Prof. Dr. José Luis Pires Camacho

MÓDULO I: METAPSICOLOGIA FREUDIANA

  • O que é um “modelo”.
  • O ponto de vista tópico ou topográfico.
  • A primeira tópica:
    O sistema percepção-consciente ou consciência.
    O pré-consciente.
    O inconsciente.
    Censura.
  • A segunda tópica:
    – O id
    – O ego.
    – O superego
  • O ponto de vista econômico:
    – Energia livre.
    – Processo primário e processo secundário.
    – Princípio do prazer e princípio da realidade.
  • O ponto de vista dinâmico
    – Teoria das pulsões.
    – Compulsão à repetição.
    – A problemática do sadismo, o masoquismo e a agressão.
  • Teoria da Angústia.

MÓDULO II: O APARELHO PSÍQUICO

  • Diferenciação do ego a partir do id.
    Os impulsos:
  • Elo com a biologia.
    Nomenclatura e definição.
    – Energia psíquica e catexia.
    – Classificação dos impulsos.
    – Fusão dos impulsos.
    – Progressão, fixação e regressão libidinal.
    – Desenvolvimento agressivo.
    – Descarga do impulso e prazer.
  • Ego como executor dos impulsos.
  • Funções básicas do ego: percepção, memória, sentimentos, pensamento.
  • Fatores do desenvolvimento do ego: maturação, experiência.
  • Fatores experienciais: relação com o próprio corpo.
  • Identificação com objetos do ambiente
  • Modos de funcionamento do aparelho psíquico.
  • Processo primário e secundário, pensamento de processo primário e secundário.
  • Neutralização da energia do impulso
  • Adaptação do ego e domínio do mundo externo.
  • Função de prova da realidade.
  • Conflito ou oposição entre ego e mundo interno (Id).
  • Ego como controlador ou inibidor dos impulsos. 2
  • Relações de objeto: definição, importância das relações iniciais.
  • Narcisismo.
  • Estágio das relações de objeto pré-edipianas: intermitente, contínua, objetos parciais e totais, ambivalência, identificação com o objeto.
  • Relações de objeto e impulsos.
  • Significação crucial da fase edipiana de objeto.
  • Descrição do complexo de Édipo.
  • Complexo edipiano e superego.
  • Formação do superego: internalização, relação com a ansiedade, identificação com ideais parentais, proibições e superego, transformação das catexias de objeto para as narcísicas, internalização da agressividade, severidade do superego.
  • Funções do superego: culpa, sentimentos de inferioridade, virtude, lex talionis, equação mágica entre desejo e ação, necessidade inconsciente de punição
  • Defesas contra o superego.

MÓDULO III: ETAPAS DA EVOLUÇÃO PSICOSSEXUAL

  • Estágio Oral:
    – Fonte.
    – Objeto.
    – Finalidade pulsional
  • Divisões da oralidade:
    – Oral primário.
    – Oral secundário ou canibalismo.
  • O relacionamento de objeto.
  • O primeiro objeto: a mãe.
  • A relação de dependência com o objeto primário.
  • A evolução no conhecimento dos objetos.
    O desmame.
  • Estágio Anal:
    – Fonte.
    – Objeto.
    – Finalidade pulsional
  • O relacionamento de objeto:
    – O sadismo.
    – O masoquismo.
    – A ambivalência.
  • Estágio Fálico:
    – O desenvolvimento psicossexual.
    – A curiosidade sexual infantil.
    – As teorias da sexualidade infantil.
    – O aspecto narcísico e pré-genital do estágio fálico
    – A ilusão narcísica.
    – A descoberta e sua negativa
    – A angústia da castração.
  • Estágio genitais:
    – O complexo de Édipo.
    Formas do complexo. – 3
  • Alguns conceitos básicos em relação ao Édipo:
    – Hipótese natural.
    – Hipótese dualista.
    – Hipótese social.
    – Problema da estrutura pré-edipiana.
    – Relacionamento de objeto edipiano
    – Complexo de Édipo no menino.
    – O movimento exogâmico do menino.
    – O complexo de Édipo na menina.
    – A importância da mudança de objeto.
    – A finalização do complexo de Édipo.


MÓDULO IV: O EGO O SUPEREGO, O IDEAL DO EGO

  • A identificação:
    – Identificação primária.
    – Identificação secundária.
    – Fixação, identificação e Édipo completo
    – Genética e dialética das identificações: identificação primária, narcísica e edípica.
  • Tipos de identificação:
    – Identificação total.
    – Identificação parcial.
    – Identificação permanente.
    – Identificação transitória.
    – Identificação introjetiva.
    – Identificação projetiva.
    – Identificação com objeto total.
    – Identificação com objeto parcial.
    – Identificação pregressiva.
    – Identificação regressiva.
    – Incorporção.
    – Assimilação.
    – Introjeção.
    – Ejeção.
    – Projeção.
    – Internalização.
    – Imitação.
    – Identidade.
  • As instâncias do ideal de ego e do superego.
  • Funções do ego, superego e ideai do ego.

     

MÓDULO V: DEFESAS E MECANISMOS DE DEFESA

  • O papel do mundo exterior na defesa.
  • O papel do superego e do sentimento de culpa.
  • O papel da angústia na motivação defensiva.
  • Os mecanismos de defesa do ego:
    – Dois mecanismos fundamentais: a repressão (recalque) e a divisão (cisão).
    – Repressão e recalque. 4
    – Divisão, cisão. Recusa, rejeição, renegação.
  • As operações defensivas:
    – Considerações gerais.
    – Defesa e contracatexia.
    – Classificação dos mecanismos de defesa:
    – Projeção.
    – Repressão, recalque.
    – Deslocamento.
    – Regressão parcial.
    – Introjeção.
    – Isolamento.
    – Inibição.
    – Formação reativa.
    – Sublimação.
    – Negação.
    – Identificação projetiva.
    – Divisão.
    – Renegação (forclusion).
    – Regressão total.
    – Identificação introjetiva.

     

MÓDULO VI: AS ESTRUTURAS DE PERSONALIDADE

  • Estruturas e normalidade.
    – A noção de normalidade
    – Patologia e normalidade.
    – A normalidade patológica.
    – Normalidade e padronização.
    – Édipo e normalidade.
  • A noção de estrutura da personalidade.
    – Sintoma.
    – Defesa.
    – Significação histórica do episódio.
    – Doença mental.
    – Estrutura de personalidade.
    – O conceito de estrutura de personalidade.
  • As grandes estruturas de base.
    – A linhagem estrutural psicótica.
    – A linhagem estrutural neurótica.
  • As anestruturações.
    – Situação nosológica.
    – O tronco comum dos estados limítrofes.
    – A organização limítrofe.
    – Evoluções agudas.
    Ordenamentos espontâneos.
  • O caráter.
    – Os caráteres neuróticos.
    – Os caráteres psicóticos.
    – Os caráteres narcisistas.
    – Os caráteres psicossomáticos.
    – O caráter perverso. 5
  • Os traços de caráter.
    Traços de caráter estruturais.
    – Traços de caráter pulsionais.
  • A patologia do caráter.
    – A neurose de caráter.
    – A psicose de caráter.
    – A perversão de caráter.

     

MÓDULO VII: PSICOPATOLOGIA

  • A ilusão da causa única.
  • A ilusão do encadeamento.
  • A insuficiência da causa múltipla.
  • Feedback ou causalidade de ação recíproca.
  • Definições: comportamento anormal em perspectiva.
  • Perspectivas teóricas do comportamento anormal:
    – Perspectiva psicodinâmica.
    – Perspectiva da aprendizagem.
    – Perspectiva cognitiva.
    – Perspectiva fisiológica.
    – Perspectiva humanístico-existencial.
  • O estresse.
  • Transtornos de ansiedade, somatoformes e dissociativos.
  • Transtornos de humor.
  • Transtornos esquizofrênicos.
  • Transtornos de personalidade.
  • Transtornos da primeira infância, da infância e da adolescência.
  • Dependência e abuso de substâncias.
  • Parâmetros principais para o diagnóstico funcional em psicopatologia.
    – Diagnóstico estrutural.
    – Diagnóstico de níveis de integração neurótica ou psicótica.
    – Diagnóstico de clivagem e estereotipia dos níveis organizativos.
    – Diagnósticos de níveis e graus de dependência-independência.
    – Diagnostico de índices do neurotismo e do psicotismo.

     

MÓDULO VIII: TRATAMENTO E TÉCNICA

  • Transferência, contratransferência e relacionamento real.
  • Teorias da ação terapêutica e suas conseqüências técnicas.
  • Processo, resistência e interpretação.
  • Término e reanálise.
  • Psicanálise e psicofarmacologia.
  • Técnica na análise de crianças.
  • Ética na psicanálise. 6

     

Público alvo:
Corpo docente:
Periodicidade: Um sábado por mês, das 9h00 as 17h00
Duração: 24 meses
Carga horária: 360 horas
Taxa de matrícula: R$ 100,00
Investimento: 24x de R$ 450,00
Requisitos:
– Formação: Ensino Médio Completo
– Pós Graduação: Nível Superior Completo

Endereço das aulas:
Prof. Filinto Guerra, 60
Parque Jabaquara, São Paulo – SP,
CEP 04356-040

Conheça também:

Quer saber mais?

Tire suas dúvidas nos enviando uma mensagem pelo formulário abaixo:
WhatsApp chat
Instagram